Faça login na sua conta!

Ainda não tem uma conta? Cadastre-se agora mesmo!

Mega Colunistas

Colunistas

Das Smart Homes às Smart Musics ( aquelas que nao saem da sua cabeça! )

Publicado em 23/08/2021 - 15:17 Por Fernañdo Prado
destaque
Créditos da imagem: Photo by <a href="https://unsplash.com/@benceboros?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">BENCE BOROS</a> on <a href="https://unsplash.com/s/photos/smart-home?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText"

Sua casa inteligente é burra como a minha?

Segundo este artigo no Cnet, menos de um terço dos lares americanos fazem uso dos recursos de Smart Home, isso porque vale lembrar que a tecnologia foi lançada há 11 anos e desde então tem evoluido – talvez lentamente. O que acontece ainda hoje é que as marcas não conversam muito entre si, então existe ainda a dificuldade de instalação e de compatibilidade total. Mesmo os 36% dos americanos analisados nesta pesquisa, que fazem uso das Smart Homes, não tem sua casa tão inteligente assim, utilizam apenas alguns devices. Alexa siga para a proxima mensagem.

Das Smart Homes para os Smart Creators!

Sim, se você tem um canal no youtube com mais de 1.000 assinantes e mais de quatro mil horas de videos assistidos pelas pessoas nos últimos 12 meses, você é um Partner Creator , como o youtube chama, ou seja, você pode ficar disponivel para anunciantes e consequentemente fazer alguma renda com estes anúncios. Neste mês o Youtube anunciou que chegou a marca de 2 milhões de usuários que fazem negócios em sua plataforma. Com este crescimento, ficou mais fácil ter um vídeo desmonetizado, as regras estão mais rígidas. Por exemplo, atualmente falar sobre Coronavirus, é considerado um sensitive topic para o youtube e por aí vai...

Dos Smart Creators para as Smart Songs!

Sabe aquela musica que você ouve uma vez e que não sai da sua cabeça? Pois é, ainda não é claro o mecanismo que essas malditas musicas chiclete usam para grudar suas notas musicais em nosso cérebro, mas acredita-se que elas acionem o imaginário musical involuntário em pelo menos quatro gatilhos mais comuns: 1) A frequencia que você ouve o som! Se você ouve no repeat, aí me poupe né? 2) Gatilho emocional, se uma musica, timbre, melodia, letra etc... lembra alguém! Aí é de chorar largado mesmo... 3) Se você ouviu a musica quando estava muito feliz, ou muito triste! Pronto!!! O cérebro já une uma emoção ao som e você está viciado nesse beat e 4) Se você está muito aéreo, pensando em nada, vagando em pensamentos ... isso pode ligar este estado ao som mais “fácil” que seus ouvidos captaram...

 

Este artigo foi influenciado, parafraseado, inspirado, traduzido e escrito com as seguintesfontes:  NbcNews / Cnet / The Verge

Tags: smart home, smart creators, smart music
 Fernañdo Prado Fernañdo Prado
U'should Know

Semanalmente, o colunista traz interessantes curiosidades comportamentais, tecnologicas e culturais de várias partes do mundo de forma sintética e direta para os leitores.

Leia também: Você faz a SUA PARTE?