Faça login na sua conta!

Ainda não tem uma conta? Cadastre-se agora mesmo!

Mega Colunistas

Colunistas

Novo Normal

Publicado em 16/07/2021 - 18:12 Por Nilson Lima
destaque
Créditos da imagem: Acervo pessoal

Revivendo outros tempos

 

Nunca é demais falar sobre bem-estar, atividade física, os cuidados com a saúde e claro, como se reinventar em meio à pandemia. 

Assim é com muito orgulho que republico aqui na íntegra o texto e o bate-papo com a minha colega colunista do Portal Mega Minas, Letícia Lagoa. Uma renomada jornalista, cuja carreira, foi quase toda dedicada às matérias esportivas nacionais e internacionais. 

 

Profissional competente, que foi editora, repórter e apresentadora do Globo Esporte da TV Integração, Globo Minas e, pela Globo São Paulo, integrou a equipe do Automobilismo e da Copa do Mundo de Futebol de 2014. 

Uma conversa descontraída com esta amiga, também corredora, que além de jornalista, estuda e se dedica às técnicas e métodos que promovem a saúde e o bem-estar das pessoas.

 

Tem também a conversa, com o educador físico e administrador Rogério Azevedo, direto da capital paulista – onde se concentra o maior número de academias do país.

Ele fala sobre a retomada das academias, a importância de se manter o corpo em atividade e as medidas de segurança para uma prática mais tranquila.

Bora assistir? É só clicar no Play para acompanhar este bate-papo na telinha!




Tags: Atividade física na pandemia, saude e bem estar
 Nilson Lima Nilson Lima
Por aí, com Nilson Lima

Nilson Lima é um apaixonado por corridas, entre maratonas e ultras, prova de 42k e acima, foram 271 pelo mundo, a pandemia adiou o sonho das 300, mas este sonho continua. Chegou perto do honroso sub3 na maratona, seu RP (recorde pessoal), nos 42k é de 3:00:02. A ultra maratona mais longa que fez foi de 135 milhas (217km). Já correu em 41 países, 5 continentes, 9 Boston, 7 Comrades (90k, Africa do Sul), as 6 Majors (Londres, Berlim, Toquio, Chicago, Boston e Nova Iorque), 50 maratonas nos 50 estados americanos e em todos os países da América do Sul. É grato pela maratona Nilson Lima de Uberlândia, única do país com o nome de um corredor. Parte da sua história está no livro "No caminho eu conto". Por aqui, pretende compartilhar histórias e experiências que sirvam de inspiração para estimular e promover a prática da atividade física em geral.

Leia também: Escolha