Faça login na sua conta!

Ainda não tem uma conta? Cadastre-se agora mesmo!

Mega Colunistas

Colunistas

Primeiro passo na organização financeira é o controle do seu orçamento

Publicado em 02/12/2021 - 06:30 Por Priscilla Mundim
destaque
Créditos da imagem: Prisclla Mundim


Seu planejamento financeiro só será eficiente se você tiver um equilíbrio nas suas contas. Isso significa que você precisa gastar menos do que aquilo que você ganha.

 

É a diferença entre as receitas MENOS as despesas que vai proporcionar a realização dos seus sonhos:  viajar com a família no fim do ano, reformar a casa, comprar um carro.

 

Detalhar as suas despesas é o primeiro degrau para ser vencido na sua organização financeira.

 

Existem inúmeras formas de fazer isso, aqui vai um exemplo bem didático:

 

1) Relacione suas receitas: é importante você descrever todos os ganhos da família. Tudo aquilo que vocês recebem mensalmente. Tem salário, comissão? Serviço extra? Algum benefício do governo? Coloque a renda total líquida, ou seja, aquele valor obtido após o desconto dos impostos.

 

2) Relacione as despesas. Uma técnica bastante utilizada é classificar as contas dentro de grupos de consumo, vamos lá:

 

Despesas com habitação: 

aluguel

financiamento

água

luz

gás

telefone

celular

supermercado

padaria

sacolão

 

Despesas com saúde:

plano de saúde, dentista, tratamentos, consultas, remédios

 

Despesas com transporte:

prestação do carro ou da moto

estacionamento

combustível

seguro

ônibus 

 

Despesas pessoais: 

higiene pessoal

manicure

salão 

vestuário

academia

esporte

 

Despesa com educação: 

escola

faculdade

material escolar

uniforme

 

Despesas com lazer: 

restaurantes

cafés

bares

boates

viagens

passeios

 

Outras despesas: 

anuidades

assinaturas de streaming

doações 

 

A classificação de cada despesa é um critério pessoal, você pode fazer de acordo com a sua realidade aí.

 

E o saldo? Ele será a subtração da renda familiar menos as despesas. O resultado precisa ser positivo. Agora, se o saldo foi negativo, a gente precisa rever alguns gastos e o seu padrão de vida. 

 

O ideal é fazer esse orçamento doméstico uma vez por mês. Porém, existem situações que exigem um controle maior. Se aí na sua família, vocês não estão conseguindo cumprir o planejado, talvez seja necessário reduzir o tempo e fazer isso de 15 em 15 dias ou até mesmo uma vez por semana. Assim você consegue perceber os desvios e corrigir o rumo.

 

Priscilla Mundim

Jornalista e economista

@primundim

Tags: finanças, dinheiro, família, casa, filhos, administração da casa, gastos, receitas, rendimentos, Gestão de Casa, poupar, investir
 Priscilla Mundim Priscilla Mundim
Gestão De Casa

Tenho 39 anos, dois filhos, marido, uma casa, um telejornal e vários outros projetos na minha responsabilidade. Sou economista e jornalista de formação. Tenho também mestrado em Ciências Econômicas pela UFU e outros cursos de aprimoramento profissional na área de planejamento financeiro. Moro em Uberlândia, trabalho na TV Integração - afiliada Globo - há 13 anos e sou editora-chefe do MG2, o jornal das 19h. Sejam muito bem-vindos!

Leia também: Dicas de como equilibrar as finanças do casal