Faça login na sua conta!

Ainda não tem uma conta? Cadastre-se agora mesmo!

Mega Colunistas

Colunistas

Sedentarismo Faz Parte Da Vida Da Maioria Dos Pets

Publicado em 20/01/2021 - 23:10 Por Valeriana Medrado
destaque
Créditos da imagem: Free-Photos /Pixabay

Hoje, fui visitar uma prima e sempre que vou lá fico triste em saber que o cachorro dela um labrador chamado Thor não passeia. Saio de lá triste com vontade de contratar um adestrador pra ajudar nesse processo, pois ele simplesmente não sabe passear. O Thor é tão agitado que andar na rua acaba sendo muito arriscado.

Cães precisam muito de exercício. Aquela conversa de que minha casa tem espaço pra ele brincar, não me convence. Cachorro precisa sair pra farejar, interagir com outros animais e pessoas, correr, gastar energia. ..Por natureza cães são animais ativos, brincalhões, e nenhum pouco sedentários. Mas essa não é a realidade da maioria dos animais de estimação.  Vale muito a pena  refletir sobre o assunto e conferir a entrevista com a veterinária Fernanda Lunardi Del Claro

Como consigo diagnosticar que meu cãozinho está sedentário?

O animal é ativo e gosta de se exercitar, brincar, isso é natural para eles, mas na maioria das vezes o pet se adequa a rotina do dono, e se torna um animal sedentário. É importante observar se eles ficam somente deitados, só dormem e estão acima do peso, isso já é sinal de animal sedentário.

Quais os riscos do sedentarismo para o animal?

A obesidade é um risco para a vida do animal, um animal obeso consequentemente adquire várias outras doenças como cardiopatias, artrites, diabetes, dificuldades respiratórias, entre outros, que podem levar o animal até óbito.

Os problemas apresentados estão relacionados ao oferecimento excessivo de ração?

Existem muitos casos de donos de animais que saem de casa para trabalhar e deixam o pote de ração transbordando, com isso, o animal consome tudo em excesso, e não queima as calorias adquiridas. É importante ter orientações do médico veterinário de o quanto deverá oferecer de ração ao animal ao longo do dia, e também ficar atento as recomendações diárias de consumo que constam nas embalagens dos produtos.

Os animais podem acompanhar os donos durante a prática de atividade física?

Sim, o animal pode e deve acompanhar o dono durante essas atividades, isso é até importante, pois possibilita a troca de carinhos e sintonia entre dono e animal. Assim como acontece com o ser humano, a atividade física para os animais deve acontecer de forma gradual, inicie o processo com caminhadas logo no início da manhã, ou no final da tarde, onde o dia está mais fresco e não corre o risco de queimar as patinhas do cãozinho. Brincar com eles, como jogar a bola e eles pegarem, também é uma ótima opção para eles se exercitarem.

E você, quantas vezes por semana passeia com seu cãozinho?